Urgentes Notícias
Publicidade

Projeto prevê a construção de 49 casas para famílias carentes em Teixeira Soares

Moradias serão construídas no bairro Parque Cidade Nova. A previsão é que as obras iniciem ainda este ano

Com informações da assessoria Cohapar

Assessoria Cohapar/Representantes da Cohapar e autoridade locais apresentam o projeto das casas para a população

O município de Teixeira Soares foi contemplado com 49 casas populares, que tem previsão de serem construídas ainda este ano. Na última quinta-feira (02), o presidente da Cohapar do Paraná, Nelson Cordeiro Justus, esteve na cidade para divulgação do processo à população interessada e explicação dos próximos passos antes do início das obras.

A iniciativa prevê a construção das casas no Parque Cidade Nova, além de obras de infraestrutura para melhoria das condições das regiões onde os conjuntos habitacionais serão construídos. A expectativa é de que o projeto movimente cerca de R$ 6 milhões em investimentos financiados pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), para benefício de famílias carentes nas cidades de Fernandes Pinheiro e Teixeira Soares.

 

O projeto das casas em Teixeira Soares começou o ano passado quando a primeira dama, Rejane Thomaz, era secretária da Secretaria de Família e Desenvolvimento Social, e tem previsão de iniciar as obras ainda este ano.

Os modelos das casas variam de 32 a 49 metros quadrados, com 8% das unidades de cada empreendimento adaptadas para pessoas com deficiência. Com os aportes a serem utilizados no programa, as famílias beneficiadas, que já participam de programas sociais de governo, receberão os imóveis completamente de graça, dentro do programa Famílias Paranaense. As famílias que irão participar são as cadastradas no Bolsa Família.

Para o atual secretário de Família e Desenvolvimento Social, Adriano Piter José Heinen, as famílias beneficiadas terão mais condições de vida com uma casa própria. “As novas casas conquistadas são um passo dado. As pessoas precisam de condições para criar seus filhos e ter uma melhor qualidade de vida, e é isso que as moradias trarão. É pouco ainda a quantidade, mas para quem vai receber é muito. E agora nós vamos buscar mais investimentos para essas famílias”, comenta o secretário.

Segundo o presidente da Cohapar, Nelson Cordeiro Justus, o município foi contemplado por cumprir todos os critérios do chamamento público aberto às prefeituras pela Secretaria da Família e Desenvolvimento Social. “Com a documentação dos municípios em dia, resta apenas a conclusão do processo licitatório para definição da construtora responsável pela execução do serviço”, explica.

No dia 31 de agosto, as empresas interessadas deverão apresentar as propostas finais dentro da licitação montada pela companhia. Além do critério de menor preço, as empresas precisarão atender todos os requisitos constantes no edital da Cohapar, que pode ser acessado no site www.comprasparana.pr.gov.br.

Após a escolha da vencedora e assinatura dos contratos, a construtora terá um prazo de quatro meses para conclusão dos empreendimentos. O valor máximo de proposta estipulada para o lote é de R$ 7.307.423,21.

 

 

0 Comentários

    Deixe um comentário

    Login

    Welcome! Login in to your account

    Remember meLost your password?

    Don't have account. Register

    Lost Password

    Register

    x

    Publicidade